Amor Sem Fim
Amor Sem Fim
Com Ademar Nunes

Traficantes foram flagrados com 143 aves silvestres, em 2018

06/02/2019 06h22

Fonte: Redação

Balanço divulgado nesta terça-feira (05), pela PMA (Polícia Militar Ambiental) aponta que em todo 2018, o órgão flagrou traficantes com 143 animais silvestres transportados ilegalmente, em fiscalização nas estradas de Mato Grosso do Sul. As multas chegaram a R$ 145 mi.

Deste total, 98% eram papagaios, segundo a PMA. Foram aplicados R$ 290 mil em multas em 2017 e apreensão de 521 animais em 2017. No período, houve apreensão única de 250 canários-da-terra com um traficante que levaria as aves para o Nordeste.

Os municípios que recebem monitoramento mais específico são Jateí, Batayporã, Bataguassu, Ivinhema, Novo Horizonte do Sul, Anaurilândia, Santa Rita do Pardo, Nova Andradina e Brasilândia, além de Naviraí e Mundo Novo. Nessa região, ninhos também são monitorados pela PMA.

Conforme informações policiais, de agosto a dezembro o tráfico se intensifica, por ser o período reprodutivo dos papagaios que é o animal mais traficado.

Outro tipo de tráfico é o do canário-peruano. Esse animal entra no Brasil, trazido por traficantes peruanos, bolivianos e brasileiros, sendo levado, na maioria das vezes, para Brasília (DF), norte de Minas Gerais e municípios do Nordeste para serem utilizados em "rinhas".

Envie seu Comentário